extremelly
Alinhamento térmico + coloração? É possível realizar os dois no mesmo dia?

header alinhamento + coloração

Tem dúvida sobre o que fazer primeiro, alinhamento térmico ou coloração? E se eu fizer um, anulo ou reduzo o tempo de durabilidade do outro? Se você tem essas dúvidas, então esse post é para você!

Muitas são as dúvidas quando se chega a esse momento nos salões. Talvez um dos maiores pesadelos daqueles profissionais da beleza que estão começando, ou mesmo dos mais antigos – essa dúvida atinge a todos – entretanto, estamos aqui para ajudar vocês. A Equipe Extremelly preparou esse post com muito carinho, pensando além da qualidade de nossos produtos, mas também na capacitação dos profissionais e serviços oferecidos pelos mesmos.

Então, partindo do princípio…

Se você se topar com uma situação em que essa cliente deseja fazer um alinhamento no cabelo e cobertura de cabelos brancos, mas não tem tempo de voltar no outro dia, como proceder? Fazer o alinhamento e a coloração, tudo no mesmo dia? A resposta é SIM!

Com o avanço da tecnologia e produtos cosméticos – bem como o conhecimento e capacitação dos profissionais – é possível sim realizar esses dois procedimentos no mesmo dia. Claro que sempre haverá comentários e opiniões adversas, porém falamos com propriedade que essas contradições existem por falta de um diagnóstico adequado, e por esse motivo acarreta em resultados errôneos e frustrados.

E, por experiência própria eu, Silvia Guimarães, educadora técnica da Extremelly Cosmetics, trabalho dessa maneira há mais de três anos e nunca tive resultados adversos ao esperado, pois, como disse, o que é preciso fazer previamente é um diagnóstico adequado.

Então vamos ao dito diagnóstico. Este protocolo, desenvolvido por mim em 2016, em um salão de Curitiba, foi desenvolvido para provar para alguns profissionais que o que de fato amarela o cabelo é a temperatura da prancha em uma mecha porosa, ou seja em fios não tão saudáveis. Primeiramente , como teste de mecha, deixe em uma mechinha o produto que pretende usar na coloração ou descoloração e, simultaneamente, realize o teste de temperatura em outra mecha sem produto e seca, pranchando-a na temperatura máxima – a 230ºC – por 15 vezes, para avaliar a resistência da estrutura capilar e porosidade do fio. Feitos os procedimentos e não tendo havido problemas com a saúde do fio, podemos partir para os procedimentos.

Mas Silvia, se eu fizer o alisamento primeiro e depois o tratamento de coloração, a progressiva não sai do cabelo, ou a sua durabilidade não é comprometida? A resposta é: Não! Quando trabalhamos com um alinhamento térmico, o fenômeno que age no cabelo é a modificação da queratina – diferentemente do formol, que cria um filme do qual no mesmo instante é removida as camadas de cutículas capilares, causando o afinamento do fio e, consequentemente, o corte químico. No caso dos alinhamentos térmicos isso não ocorre, exatamente pela substituição do formol. Então, antes de fazer tratamentos que modifiquem a cor do cabelo, escolha alisar o cabelo – SEM FORMOL!

Dito isto, vamos ao procedimento básico:

Primeiramente, se vou realizar um alinhamento, é preciso ter calor. Batendo na mesma tecla: sabemos que cabelos coloridos e descoloridos e no mesmo dia expostos ao calor de uma prancha desbotam, então o ideal é alinhar as madeixas primeiro, partindo para os outros procedimentos após isso. O protocolo correto de alinhamentos foi tratado no post da semana passada, e o link para conhecê-lo é esse aqui.

Com os cabelos alinhados, o correto agora é ir para o lavatório e lavar os cabelos. Shampoo hidratante, condicionador são o suficiente, pois os fios já absorveram os nutrientes da escova. Feito isso, seque por completo ou os deixe úmidos (sim, úmidos – esse procedimento com os cabelos molhados será tratado no post da semana que vem!). Realize normalmente o procedimento de coloração ou descoloração. Como todo processo dessa natureza, o ideal é realizar uma reposição de massa proteica, e nós temos produtos incríveis para essa finalidade, como o Advance 11 Fases Wheat Proteins, e o S.O.S Trat, que, modéstia parte e falando com honestidade, são os melhores do mercado em termos de tecnologia, qualidade e custo benefício. Com os cabelos reconstruídos após todos os trabalhos, finalize como desejar.

Texto e dicas por: Educadora Técnica Silvia Guimarães.